Noivas

Mimos

18 de maio de 2013

Adoro personalizar! Devo dizer, aliás, que adoro pessoas com personalidade, que não temem, se arriscam, fogem do habitual, buscam algo novo, estão abertas a oportunidades, ao conhecimento, a pessoas, lugares. Isso sim é estilo, não acham?!

Quando escolhemos a casa de festa, que tinha lá suas diferenças por ser rústica, também pesquisei por itens que pudessem realçar a comemoração. Queria que os convidados se surpreendessem, se emocionassem e vissem o nosso jeito expresso em detalhes, além da decoração.

Pesquisei muito. Dois sites foram valiosos e me ajudaram a conhecer as tendências do universo de casamentos: www.davidsbridal.com e www.etsy.com (mais uma ajuda de Kelly Valente).

Na David’s Bridal, encontrei os Kissing Bells. Sinos pequeninos que são tocados pelos convidados no momento do beijo dos noivos. Coloquei esses adereços em um saquinho de tule branco (minha mãe comprou em Taguatinga-Taguacenter. Fácil achar). Acabou virando um lindo kit com sininho, lenço para enxugar lágrimas de alegria e um mini bolo de noiva que solta bolhas de sabão (outra aquisição do Taguacenter). Os convidados adoraram e se divertiram!

malualbuquerque-detalhes-casamento (12)

Meu irmão comentou que no momento do beijo = tocar o sininho, alguns convidados ficaram perdidos e como ele já conhecia a trama, tratou de animar a torcida: “vamos, pessoal, é agora, toquem os sinos!” (rs!). Já ri muito dessa história. Segundo ele, a novidade foi tão grande que muitos não entenderam! Mas, deu tudo certo. Do altar, ouvi os barulhinhos!

malualbuquerque-detalhes-casamento (11)

Lá também achei o nosso sino de cristal, supercharmoso, que mandei gravar com o nosso nome e com a data do casamento. Tocamos junto com os convidados no primeiro beijo. Foi lindo!

PS: Nos EUA, o sino tem o significado de “boas novas”. Representa os votos dos convidados ao novo casal, desejando sempre “boas novas”. Para os noivos, significa “a primeira boa nova”. As próximas podem ser simbolizadas com o tocar do mesmo sino, por exemplo, a compra da casa, o primeiro filho, ou seja, todas as boas notícias! Legal, não é?! O nosso sino está guardado e quando a nossa casa estiver pronta, vamos tocá-lo novamente!

malualbuquerque-detalhes-casamento (3)

Antes da cerimônia, as meninas receberam sombrinhas orientais nas cores lilás e alaranjado. Peguei essa dica na internet, bisbilhotando. Acabei encontrando uma loja na Rua 25 de Março, em São Paulo, encomendei e chegou em uma semana, via Sedex.

Num primeiro momento, pensei em presentear as mulheres para que se protegessem do sol (nosso casamento foi às 17h). Mas, choveu, como vocês viram nas fotos, e acabou servindo para resguardá-las dos pingos. (Graças a Deus, às 17h15 só tinham algumas gotas). A loja se chama Pomonashop.

Nessa mesma loja, confiram também as luminárias orientais Não fiz essa aquisição porque a grana já estava curta, mas, se o decorador permitir, sugiro fortemente, que encomendem algumas. Vejam algumas decorações com esses adereços:

luminarias-orientais-casamento

Logo após o beijo, ainda soltei as borboletas! Isso mesmo, vivas. Encomendei uma dúzia delas no Borboletário Encanto, que fica em Salvador. As princesinhas vêm dormindo, são induzidas por um processo natural a hibernar, como ocorre na natureza sempre que elas estão com frio. Minha prima Grazi, que é bióloga, foi a responsável por buscá-las no aeroporto e mantê-las dormindo na geladeira.

detalhes-casamento-caixinhadeborboletas

As borboletas vieram com ela. Chegando na casa de festa, Grazi as entregou ao cerimonial – e eles já sabiam como fazer. O processo é simples. Basta coloca-las próximas a um refletor e elas já começaram a despertar! Nos bastidores, já estava tudo alinhado. Já sabia que a caixinha das borboletas estaria lá no altar, então só abri! Consegui ouvir o “oh” dos convidados quando as borboletas lançaram vôo e sumiram no ar.

fita-bouquet-personalize

Também achei uma fita de cetim para o bouquet. Um pouco difícil de explicar, mas, é assim: sabe aquele lugar de segurar?! Então… Coloca-se a fita com a inicial do nome do noivo. Legal, né?! Essa aí é supernovidade! Duvido que alguém tenha feito! Nem a minha cerimonialista sabia! rs!

Noivinhas, outra novidade quente dos EUA! Na Victoria’s Secret vi uma lingerie branca, para usar no dia do casamento mesmo, escrito Bride em strass azul – noiva em português. Sabe aquela tradição inglesa de que noiva precisa usar algo azul, emprestado, velho e novo? Something old, something blue, something borrowed, something new… Essa moda pegou depois do casamento da Kate Middleton! Então… eu consegui o novo, o emprestado e o azul. O velho… não deu (rs)! Tentem… 

detalhes-casamento-sapatos

Outro detalhe legal é colocar o I DO no sapato da noiva e do noivo (hunrun, já estão usando!) e o Walker usou! É uma brincadeira legal. Antes do “sim”, quando o celebrante pergunta se é de livre e espontânea vontade, os noivos se ajoelham e os convidados já ficam sabendo a resposta dos noivos! “I do” ou “Eu aceito”. Comprei o adesivo na Casa das Artes, na 103 Norte, aqui em Brasília mesmo, e colei nos nossos sapatos.

Acho que o maior dos mimos e o detalhe mais importante foi o meu vestido de noiva, também adquirido na David’s Bridal. Sempre sonhei com um vestido da estilista Vera Wang. Depois que assisti ao filme Noivas em Guerra, me apaixonei, de verdade. Estava disposta a encontrar o mesmo vestido, onde quer que fosse e de fato achei. Comprei minha passagem e embarquei para Miami com o meu pai. Mas, chegando lá, o vestido estava com um aspecto velho, apesar de nunca ter sido usado. Se tratava de um modelo lançado há quase cinco anos. O tempo corroeu a cor… Uma pena!

vestido-verawang-rosa

Parti para a segunda opção e, claro, era um Vera Wang. Lançamento nos EUA, um ombrê branco e rosa, todo de tule, moderníssmo e superousado!

PS: Quando decidi pelo meu vestido, o vendedor tocou um sino comigo, e a loja toda PAROU para ver como eu estava vestida. De novo, o sino da boa nova! 

detalhes-casamento-veu-noiva

Minha tiara foi outro achado, inclusive meu maquiador, o Ricardo Maia, ficou encantado com ela. E olha que ele vê isso quase todos os dias! O véu é quase que um acompanhamento do vestido porque é exatamente da mesma cor, marfim puxado para o off white – Vera Wang também, estilo catedral, venda o rosto e é bem comprido.

Ah, teve também o Ring Holder, o porta-alianças, da marca Lenox. By David’s Bridal.

detalhes-casamento

Mimos para os pais

Precisava encontrar uma maneira de agradecer aos meus pais por tudo que eles fizeram por mim. Não só pela ajuda no nosso casamento. Já disse que os dois foram essenciais na realização do nosso sonho. Era mais que isso. Por eles terem me acompanhado em cada passo, cada conquista, cada luta e vitória. E olha que já passamos por um divórcio. Quem tem pais separados sabe o que falo. Então, achei…!

No site da Etsy vi uma abotoadura maravilhosa com a frase “The first man I ever loved”. Combinou com o que eu queria! De fato, gostaria de expressar o meu amor por ele afirmando que ele foi e sempre será o primeiro homem que amei.

malualbuquerque-detalhes-casamento (8)

PS: Acabei tendo problemas com as encomendas da Etsy porque digitei o endereço errado para entrega. Só consegui atualizar o endereço de uma entrega, do lenço.

As abotoaduras da Etsy foram adaptadas. Um dia antes do casamento (correria total!), fui ao Iguatemi e achei. Eram perfeitas, tinham o espaço para gravar a frase em português. Fui ao Conjunto Nacional e o caligrafo fez assim: “o 1º homem que amei” – e na outra “Sebastião, 30/3/2013”. O lenço chegou! Vejam aí uma foto.

malualbuquerque-detalhes-casamento (9)

O meu noivo (à época) também merecia uma abotoadura. Lá no site da Etsy tinha (e ainda tem) uma perfeita, nela está escrito: “marry me today, love of my life + a data do casamento”. Não chegou… E não encontrei outra abotoadura que pudesse ser gravada. Mas, deixo a dica. Espero que aproveitem! Acessem www.etsy.com e pesquisem por cufflinks wedding.

detalhes-casamento-colar-mae-noiva

Minha mãe, linda, que me carregou nove meses (rs!) – mães adoram falar isso, né?! – merecia muito mais que uma lembrança. Encontrei um colar (na Etsy) escrito Mother of the Bride. Achei que seria interessante para ela usar na festa e todos a reconhecessem como minha mãe, ela merecia, sim, ser honrada. Mas, infelizmente, não chegou. Acabei recorrendo a um berloque da Vivara, que é um champagne dentro de um balde, em miniatura. Ela já tem a pulseira da linha Life, então, adorou. Também dei o meu bouquet pra ela e joguei um mais simples para as meninas! Isso já é costume. Sempre fazem um arranjo mais leve para isso. Vejam essa outra opção de pingente, é um bolo de casamento.

malualbuquerque-detalhes-casamento (5)

Os padrinhos foram presenteados com um mimo inusitado. Encomendei de BH, um colar com um pontinho de luz para as meninas e um ponto de luz (como se fosse um alfinete) para a gravata dos meninos. Todos adoraram. Coloquei eles em uma caixinha de veludo, ficou um charme.

detalhes-casamento-colar-madrinhas

Teve também a plaquinha “Lá Vem a Noiva”, carregada pelo meu irmão mais novo. Foi ele também que finalizou a cerimônia com outra placa “Enfim, casados”.

malualbuquerque-detalhes-casamento

E, ainda, leques para as meninas espantarem o calor na pista de dança!

detalhes-casamento-convite

Fiquei devendo uma imagem do meu convite. Muita gente pediu e foi outro item personalizado. Vejam a imagem acima!

malualbuquerque-detalhes-casamento (7)

Espero que gostem!
Semana que vem te mais, meninas.
Estou adorando escrever para vocês!

Fotos: Bruno Stuckert e reprodução

Comente esse post e compartilhe no Facebook

You Might Also Like

Translate »